Babosa, uma aliada para cabelos e pele mais bonitos e saudáveis

A babosa é uma planta medicinal, também conhecida como Aloé vera, Caraguatá, Erva babosa, Babosa de botica ou Babosa de jardim, que tem várias propriedades que fazem bem a saúde e também para a beleza. Ela tem propriedades regeneradoras e funciona como um antioxidante natural.

A respeito dos efeitos benéficos da babosa na saúde das pessoas, temos a ação anti-histamínica, anti-inflamatória e antioxidante. Ela pode também estimular a síntese de colágeno e é um vasoconstritor. O gel da babosa tem resultados positivos para cicatrização de ferimentos, de acne, e queimaduras. Para beleza, é ótima aliada para cuidar dos cabelos e da pele.

Veja a seguir quando e como usá-la:

CABELO:

A babosa pode ser usada no cabelo para obter os seguintes benefícios:

1. Tratar a queda de cabelo

A babosa ajuda na produção de colágeno e, por isso, ajuda a fixar melhor os fios de cabelo no couro cabeludo. Além disso, por possuir minerais e água, fortalece todo o fio, tornando-o mais forte e menos quebradiço.

Como usar: juntar 2 colheres (de sopa) de gel de babosa com 2 colheres (de sopa) de óleo de coco, misturar bem e aplicar sobre todo o cabelo. Deixar atuar por 10 a 15 minutos e depois remover com água fria e shampoo. Este processo apenas deve ser repetido 1 vez por semana.

2. Hidratar o cabelo e estimular o crescimento

A babosa possui enzimas que ajudam a remover as células mortas do couro cabeludo, além de ser uma ótima fonte de hidratação e minerais para os fios e couro cabeludo. Dessa forma, o cabelo cresce mais rápido e forte.

Como usar: juntar 2 claras de ovo com 2 a 3 colheres de sopa do gel interior das folhas da babosa, misturar bem e aplicar sobre o cabelo, garantindo que as raízes ficam bem cobertas. Esperar 5 minutos e remover com água fria e shampoo.

3. Eliminar a caspa

Por conter enzimas que eliminam as células mortas, a babosa, é uma planta que pode ser usada no tratamento da caspa, uma vez que a caspa é formada por placas de células mortas.

Como usar: misturar 2 colheres (de sopa) de gel de babosa com 1 colher (de sopa) de mel e 2 colheres (de sopa) de iogurte natural. Usar a mistura para massagear o couro cabeludo por cerca de 15 minutos e, depois, deixar repousar por 30 minutos. Por fim, lavar o cabelo com uma shampoo anti caspa. Esta máscara deve ser feita apenas 1 vez por semana.

PELE

Existem diversas formas de como utilizar a babosa para pele. Vamos conhecer essas receitas?

1. Combater as rugas/ elasticidade da pele 

Esta planta possui propriedades que estimulam a produção de colágeno pela pele, que é a substância responsável por manter sua elasticidade. Assim, quando utilizada regularmente, a babosa pode diminuir a profundidade das rugas e até eliminar algumas marcas de expressão, nos olhos, testa ou boca.

Como usar: aplicar, com os dedos, uma pequena porção de gel de babosa sobre os locais das rugas e marcas de expressão, como o canto dos olhos, ao redor dos lábios ou na testa. Fazer uma leve massagem sobre esses locais e deixar atuar por 5 a 10 minutos. Por fim, remover com água fria e um sabão neutro.

2. Babosa para limpar a pele/como base para esfoliante

 Misturar duas colheres de sopa de gel de babosa com uma colher de sopa de açúcar ou bicarbonato de sódio. Em seguida, esfregar a mistura no rosto ou em outras partes mais secas da pele como os joelhos e os cotovelos, por exemplo.

Finalmente, retirar a mistura com a ajuda da água e de um sabão neutro. Recomenda-se repetir o processo de duas a três vezes por semana.

3. Babosa para remover a maquiagem

Por um pouco do gel da folha de babosa em um pedaço de algodão. Na sequência, esfregar levemente o algodão nas partes do rosto das quais se desejar remover a maquiagem. Depois, terminar lavando o rosto com água morna e um sabão neutro.

4- Queimaduras na pele

Retire os espinhos e corte a folha ao meio, no sentido do comprimento. Depois raspe o gel, que se encontra no interior da folha, e coloque-o sobre uma compressa ou gaze esterilizada, cobrindo a pele a seguir. Este cataplasma deve ser trocado pelo menos 2 vezes por dia.

 

fonte: www.mundoboaforma.com.br

www.tuasaude.com